Entrar

URGENTE – Justiça de São Paulo quer despejar famílias na Pandemia

Imagem: Comunicação da Intersindical
Compartilhe:

Na noite desta segunda-feira, dia 09/08, o juiz Antônio Carlos Santoro Filho da 11ª Vara Cível do Fórum de Santo Amaro determinou o despejo de mais de 600 famílias de ocupação organizada pelo MTST na região do Jardim Novo Horizonte, Zona Sul da cidade de São Paulo.

O terreno ocupado é uma Zona Especial de Interesse Social segundo o Plano Diretor de São Paulo e por isso deveria servir para habitação popular, mas estava abandonado há mais de 50 anos, em uma das áreas mais adensadas e pobres da cidade. A ocupação é formada por centenas de famílias despejadas durante a pandemia, agravada pelo desemprego explosivo, pela fome e pela falta absoluta de política habitacional.

Apesar do longo tempo de abandono, a ordem de despejo foi publicada em tempo recorde: uma hora após o pedido ser apresentado. Além de desumana, a decisão é arbitrária e ilegal já que viola decisão do Supremo Tribunal Federal na ADPF 828. O MTST seguirá lutando na justiça e principalmente nas ruas para suspender o despejo.

Fonte: MTST

Acha esse conteúdo importante? Entre em nosso grupo de WhatsApp ou inscreva-se para receber nossa Newsletter

Comente esta publicação

Acompanhar a discussão
Notificar de
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
INTERSINDICAL Central da Classe Trabalhadora | 2014-2024. Sede Nacional: Rua Riachuelo, 122 - CEP: 01007-000 | Praça da Sé - São Paulo - SP | Fone: +55 11 3105-5510 | E-mail: [email protected] Sindicatos e movimentos sociais. Permitida a reprodução dos conteúdos do site, desde que citada a fonte. Esse site é protegido por reCAPTCHA. Políticas de Privacidade e Termos de Serviço se aplicam
Pular para o conteúdo