Todo apoio ao povo do Perú! Intersindical participa de ato no Consulado peruano

Imagem: Comunicação da Intersindical
Compartilhe:

A Intersindical, junto com outras entidades, participou nesta sexta (10) do ato em apoio ao povo Peruano em frente ao Consulado do Perú, em São Paulo. A atividade foi organizada em diversos países pelas entidades ligadas à Federação Sindical Mundial (FSM) e em consonância com a grande greve nacional anunciada pelos sindicatos SUTEP (Sindicato Unitario de Trabajadores en la Educación del Perú) e CGTP (Confederação Geral dos Trabalhadores do Peru).

A atividade foi chamada, principalmente, em solidariedade ao povo Peruano que tem sido duramente reprimido pelo governo de extrema direita da atual presidenta Dina Boluarde. Mais de 50 pessoas já morreram nos protestos por democracia no país, inclusive com diversas denúncias de estarem sendo utilizadas munições expansivas (balas dum-dum) nos confrontos.

Ricardo Saraiva Big, Secretário de Relações Internacionais da Intersindical, lembrou que “houveram diversas eleições na América Latina e no Caribe, onde foram eleitos presidentes progressistas, no entanto a ultra-direita tem golpeado diversos governos eleitos democraticamente”.

Big ressaltou que, assim como ocorreu no dia 8 de janeiro no Brasil, as tentativas golpistas da extrema-direita, também estão ocorrendo em outros países, como de fato ocorreu no Perú. “A repressão ao povo Peruano, assim como aos movimentos sociais e sindicais, tem atingido patamares imensos no Perú. Mais de 60 companheiros e companheiras já foram assassinados até o momento pelo atual governo de extrema-direita”, disse.

Ricardo Saraiva Big, Secretário de Relações Internacionais da Intersindical

“Por isso, todos os países com entidades filiadas à Federação Sindical Mundial se uniram neste dia em apoio ao Povo Peruano e por eleições diretas já, no Perú. Só o povo pode garantir a democracia”, ressaltou Big.

A Extrema-Direita golpista pela América Latina

Antônio Carlos Cordeiro, Direção Nacional da Intersindical, ironizou as tentativas golpistas da extrema-direita. “Parece que virou moda a extrema-direita querer derrubar presidente eleito em toda a América-latina”, disse ele.

“Tentaram derrubar o Lula no dia 8 de janeiro, tentaram golpe na Bolívia, tentaram golpe na Venezuela várias vezes, tentam regredir os avanços da Revolução Cubana. Na América Latina, onde tem governo progressista, popular e eleito democraticamente, vive sendo ameaçada pela direita fascista e pelo imperialismo”, analisou Cordeiro.

Antônio Carlos Cordeiro, Direção Nacional da Intersindical

Pautas defendidas em apoio ao povo peruano

A Intersindical Central da Classe Trabalhadora reforça sua solidariedade ao povo Peruano e reafirma as pautas defendidas em nota publicada neste site:

  1. Liberdade para Pedro Castillo preso desde sua deposição;
  2. Novas eleições gerais já, para definir democraticamente o governo;
  3. Por uma nova constituição!

Além da Intersindical, a atividade teve participação de entidades como CTB, FSM, MST, ALBA, UJS e UEE.

Vídeo:

Ricardo Saraiva Big explica a importância dessa atividade na luta contra o golpismo da extrema-direita no Perú e na América Latina

Acha esse conteúdo importante? Entre em nosso grupo de WhatsApp ou inscreva-se para receber nossa Newsletter

Comente esta publicação

Acompanhar a discussão
Notificar de
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
INTERSINDICAL Central da Classe Trabalhadora | 2024 Sede Nacional: Rua Riachuelo, 122 - CEP: 01007-000 | Praça da Sé - São Paulo - SP | Fone: +55 11 3105-5510 | E-mail: [email protected] Sindicatos e movimentos sociais. Permitida a reprodução dos conteúdos do site, desde que citada a fonte. Esse site é protegido por reCAPTCHA. Políticas de Privacidade e Termos de Serviço se aplicam
Pular para o conteúdo