Dia das Mães: Mãe do bem estar social às mulheres – Alexandra Kollontai

Imagem: Comunicação da Intersindical
Compartilhe:

Revolucionária Russa, Defensora de uma sociedade reestruturada e mais justa, na qual as mulheres, especialmente as mães trabalhadoras, fossem apoiadas pelo Estado. Tivessem direitos legais, políticos e a emancipação econômica igual aos homens.

Entre as várias bandeiras de luta que defendeu, uma conquista, em especial, devemos a ela: as creches aos filhos da mulher trabalhadora.

Acha esse conteúdo importante? Entre em nosso grupo de WhatsApp

Nascida São Petersburgo, em 1872, de família da nobreza camponesa, filha de um oficial poliglota, ela, autodidata, absorveu os ideais socialistas europeu e marxistas depois de deixar um casamento em que se sentia presa.

Membro do Partido Trabalhista Social-Democrata Russo desde 1899, lutava pelos Direitos e Liberdades das mulheres como:

  • Benefícios sociais à maternidade;
  • Apoio financeiro do Estado às mães gestantes ou lactantes;
  • Habilitação de creches;
  • Socialização do trabalho doméstico e dos cuidados com os filhos;
  • Entre outros.

Aline Gondim

Acha esse conteúdo importante? Entre em nosso grupo de WhatsApp ou inscreva-se para receber nossa Newsletter

Comente esta publicação

Acompanhar a discussão
Notificar de
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários
INTERSINDICAL Central da Classe Trabalhadora | 2024 Sede Nacional: Rua Riachuelo, 122 - CEP: 01007-000 | Praça da Sé - São Paulo - SP | Fone: +55 11 3105-5510 | E-mail: [email protected] Sindicatos e movimentos sociais. Permitida a reprodução dos conteúdos do site, desde que citada a fonte. Esse site é protegido por reCAPTCHA. Políticas de Privacidade e Termos de Serviço se aplicam
Pular para o conteúdo