Temer estimula e barateia demissão de trabalhador

Compartilhe

Saiba mais:
→ Baixe as apresentações do seminário Reforma da Previdência, Desafios e Ação Sindical
→ Em defesa dos direitos e da Previdência Pública. Construir a Greve Geral!
→ Vídeo (2 min.): Desmascarando a Farsa do Rombo da Previdência
Notícias e informações sobre a Reforma da Previdência (PEC 287)


Michel Temer encaminhou ao Congresso Nacional um projeto de lei que acaba, de forma gradual, com a multa extra de 10% do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) que a empresa paga ao demitir um trabalhador sem justa causa.

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

O texto prevê que a multa será reduzida em um ponto percentual a cada ano, até ser extinta em 2027.

A mensagem de envio da matéria que “altera a Lei Complementar nº 110, de 29 de junho de 2001″, foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) de sexta-feira (17). Trata-se de mais um golpe para retirar recursos da Previdência Social e encher os bolsos dos patrões.

Ao diminuir os custos dos empresários, o governo ainda drena os recursos da seguridade social, com o intuito de zerar o caixa e desmontar a previdência pública.

Fonte: INTERSINDICAL – Central da Classe Trabalhadora
Clique aqui e curta nossa página no Facebook
Inscreva-se em nosso canal no YouTube

Acha esse material importante? Cadastre seu e-mail para receber nossa newsletter.

COMPARTILHE

Já assistiu nossos últimos vídeos no YouTube?

11/08 - Intersindical nas ruas em Defesa da Democracia e por Fora Bolsonaro
11/08 - Intersindical nas ruas em Defesa da Democracia e por Fora Bolsonaro
Lula em Diadema, melhores momentos
Lula em Diadema, melhores momentos
Intersindical participa do 9 de JULHO: DIA DA LUTA OPERÁRIA
Intersindical participa do 9 de JULHO: DIA DA LUTA OPERÁRIA
Inscreva-se
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver todos os comentários

DESTAQUES

NOTÍCIAS

Skip to content